Editorial novembro/2008

Discussão em 'Campo de Treinamento!' iniciado por Parafal, Março 2, 2009.

Status do Tópico:
Não esta aberto para novas mensagens.
  1. Parafal

    Parafal MAJOR Administrador

    Afiliado:
    Junho 8, 2003
    Featured Threads:
    4
    Aprovações Recebidas:
    356
    Pontos de Troféu:
    243
    Editorial novembro/2008

    O Portal Airsoft Brasil nasceu no início de 2003 com o intuito de apresentar e desenvolver o esporte no Brasil. Estamos para completar 6 anos de vida e 5 anos desde a nossa reunião com a DFPC em 2004.

    Finalmente em dezembro de 2007 tivemos a nossa primeira Portaria que oficializou o airsoft no país, portaria esta que só surgiu devido a nossa luta e sugestões.

    O motivo deste editorial é o de esclarecer um certo assunto que surgiu fora da ASB e que acabou chegando aos nossos ouvidos e também para lembrar o objetivo da Airsoft Brasil.

    Foi dito que a Airsoft Brasil não é referência em matéria de Airsoft.

    A ASB surgiu em 2003 e o seu criador pratica o airsoft desde 2004 nos EUA e Canadá e é membro de uma equipe americana que é STAFF da Operação IRENE. Alguns membros da ASB estão em Portugal e Japão, praticam o airsoft há muitos anos, fazem partes de equipes reconhecidas e participam de grandes eventos. Não vendemos airsoft, somos um Portal de jogadores de airsoft. Nossa intenção é mostrar aos futuros jogadores o que há de melhor e também o melhor custo benefício. Debatemos o uso e os equipamentos antigos e atuais de forma clara, imparcial e responsável. Nossos membros no exterior já tiveram acesso as mais diversas marcas e modelos. Pessoalmente já tive mais de 5 AEGs, testei vários modelos e marcas e hoje possuo 4 AEGs sendo 3 marcas diferentes.

    Com isto você acha que a ASB tem condições de ajudar os interessados a comprar o melhor? Quem é imparcial em suas afirmativas, um vendedor que quer vender ou um Portal de jogadores de airsoft? Em quem devemos acreditar, numa pessoa que só conhece airsoft pela internet ou nos jogadores que já praticam o airsoft?

    Vale lembrar que muitos dos que hoje falam de airsoft no Brasil descobriram o airsoft e aprenderam o que sabem com a ASB. Muitos estão há pouco tempo no mundo virtual do airsoft, nunca tiveram acesso as marcas, porém gostam de citar modelos e dizer o que é melhor ou pior. A ASB foi referência para estas pessoas que hoje dizem o contrário.

    Estamos há quase 6 anos no mundo do airsoft, quantos anos de experiência estas pessoas possuem? Quantos jogos elas já participaram? Quantas AEGs já tiveram em mãos para testar? Quantas marcas já viram pessoalmente?

    Cada um deve saber qual o melhor caminho a ser seguido. Nossa intenção continua sendo o desenvolvimento do Airsoft no país. Queremos ajudar os futuros jogadores a não comparem o que não serve. Queremos proteger os jogadores para que não tenham problemas ao comprar em lojas ilegais, não autorizadas.

    Somos imparciais e vamos continuar sendo. Somos jogadores, queremos o melhor para jogar airsoft e também o melhor para o nosso bolso.

    Se você quer realmente saber o que é melhor para você de forma imparcial, não deixe de participar da Airsoft Brasil.
     
    Norelas curtiu isso.
Status do Tópico:
Não esta aberto para novas mensagens.

Compartilhe esta Página